Imprimir

Berté, Mauro Marcelo - A crítica de literatura nas revistas brasileiras: um conflito de legitimidade

. Publicado en Pósteres

Autoría Berté, Mauro Marcelo  (Universidade Federal do Paraná)
Esta dirección de correo electrónico está siendo protegida contra los robots de spam. Necesita tener JavaScript habilitado para poder verlo.
Título A crítica de literatura nas revistas brasileiras: um conflito de legitimidade
Sección Pósteres
Resumen O discurso literário, constituinte, ainda que categoria insólita segundo Maingueneau, suscita gêneros “segundos”, diferenciados aqui em crítica literária e crítica de literatura, duas instâncias em constante conflito de legitimidade. Em linhas gerais, esse conflito decorre de acusações de que a crítica de imprensa (crítica de literatura), ao contrário da acadêmica (crítica literária), se alimenta basicamente de press releases e presta-se a, uma vez na semana, apresentar a lista dos títulos mais vendidos, e a estimular textos breves que estariam ajudando a neutralizar a contribuição ensaística do escritor e a pasteurizar o exercício crítico, resultando num mero trabalho de divulgação talvez não tão preciso e idôneo, ainda que indispensável. A contra argumentação é de que esses críticos (profissionais do jornalismo cultural) têm uma relação privilegiada com os textos, pessoal e mais próxima da realidade do leitor comum, ao passo que os especialistas seriam legitimados pela Escola e pela Teoria, fatores que obscurecem a relação crítico/obra/leitor. Meu trabalho se debruça sobre uma dessas instâncias mobilizadas pelo discurso literário: o crítico/jornalista que enuncia a partir de um gênero jornalístico pré-legitimado, as rubricas literárias em revistas semanais (news magazines). O corpus é constituído de artigos de quatro revistas brasileiras de grande circulação (Manchete, Veja, IstoÉ e Época) e cobre, em princípio, cinco décadas (1960 a 2010). A metodologia de coleta é adaptada de J. Curan e J. Seaton (2003). A avaliação preliminar do corpus permitiu estabelecer ethos e cenografias discursivas diversas que apontam para diferentes níveis de legitimidade e que possibilitam esboçar um panorama do lugar de fala desse enunciador.
Submit to DeliciousSubmit to DiggSubmit to FacebookSubmit to Google BookmarksSubmit to StumbleuponSubmit to TechnoratiSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn